Mostrando postagens com marcador Música. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Música. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 19 de março de 2015

Inesquecíveis Anos 80: Cantoras Internacionais

Depois dos calçados, dos padrões de beleza e dos desenhos animados, é hora de relembrar algumas das cantoras internacionais que fizeram sucesso nos anos 80. A lista é imensa mas vamos mostrar somente algumas.

(Foto: see-aych.com)

A loira australiana Kylie Minogue deixou sua marca com sucessos como "Locomotion" e "I Should Be So Luck".


Cindy Lauper desfilou hits como "Girls Just Want to Have Fun", "Time After Time",  "She Bop" e muitos outros.


Outra cantora que colecionava sucessos foi Madonna com hits como "Material Girl", "Like A Virgin", "Like a Prayer" e ""Live to Tell"


Da Alemanha para o Mundo, Sandra também deixou sua marca com o super-sucesso "I'll Never Be) Maria Magdalena", " Hi! Hi! Hi!" e "Everlasting Love".


Bonnie Tyler com sua voz inconfundível brilhou com sua obra prima "Total Eclipse of the Heart", "Holding Out For a Hero", além de outros grandes sucessos.


Outra bela voz que marcou época foi a de Tracy Chapman. Com o álbum que leva o seu nome mostrou ótimas músicas como "Fast Car", "Talkin' Bout a Revolution" e "Baby Can I Hold You".


No ano em que completou 18 anos, Debbie Gibson teve seu nome  incluído no Guinness Book por ter sido a artista feminina mais jovem a compor, cantar, tocar e produzir um hit número 1 da Billboard Hot 100. Entre suas famosas canções estão "Foolish Beat", "Lost in Your Eyes" e  "Electric Youth".

(Foto: z-img.com)

Tina Turner com sua poderosa voz brilhou com hits como "What's Love Got to Do with It", "One of the Living" e "Back Where You Started".


A saudosa Laura Branigan eternizou-se com músicas como "Glória", "Self Control" e "Spanish Eddie".

(Foto: nnm.me)

Cantando em francês, Desirelles não precisou de uma coleção de músicas para ficar famosa, bastou o hit "Voyage, Voyage".

(Foto: starcrush.com)

Com os hits "Feelings of Forever" e "I Think We're Alone Now", a jovem cantora Tiffany também alcançou notoriedade no mundo da música.

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Canções de Protesto: Zé Ninguém (Biquini Cavadão)

Zé Ninguém é a primeira faixa do álbum Descivilização, lançado em 1991 pela banda carioca Biquini Cavadão. A música demonstra como se sentia boa parte da população brasileira durante o mandato do então Presidente Fernando Collor de Mello. Pouco tempo depois, a canção se tornaria uma espécie de hino que embalava os protestos contra Collor que mais tarde seria deposto.


Zé Ninguém

Quem foi que disse que amar é sofrer?
Quem foi que disse que Deus é brasileiro,
Que existe ordem e progresso,
Enquanto a zona continua no congresso?
Quem foi que disse que a justiça tarda mas não falha?
Que se eu não for um bom menino, Deus vai castigar!

Os dias passam lentos
Aos meses seguem os aumentos

Cada dia eu levo um tiro
Que sai pela culatra
Eu não sou ministro, eu não sou magnata
Eu sou do povo, eu sou um Zé Ninguém
Aqui embaixo, as leis são diferentes
Eu sou do povo, eu sou um Zé Ninguém
Aqui embaixo, as leis são diferentes.

Quem foi que disse que os homens nascem iguais?
Quem foi que disse que dinheiro não traz felicidade?
Se tudo aqui acaba em samba?
(no país da corda bamba, querem me derrubar!!)
Quem foi que disse que os homens não podem chorar?
Quem foi que disse que a vida começa aos quarenta?
A minha acabou faz tempo, agora entendo por que ...

Cada dia eu levo um tiro
Que sai pela culatra
Eu não sou ministro, eu não sou magnata
Eu sou do povo, eu sou um Zé Ninguém
Aqui embaixo, as leis são diferentes

Os dias passam lentos
Os dias passam lentos

Cada dia eu levo um tiro
Cada dia eu levo um tiro
Eu não sou ministro, eu não sou magnata
Eu sou do povo, eu sou um Zé Ninguém
Aqui embaixo, as leis são diferentes...

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Canções de Protesto: Minha Alma (A Paz Que Eu Não Quero) - O Rappa


"Minha Alma" é um dos maiores sucessos do grupo carioca O Rappa. A música faz parte do álbum "Lado B Lado A" lançado em 1999.


A letra fala sobre a violência urbana e a desigualdade social e lembra que no Brasil a vítima é quem vive aprisionada  em seu próprio sistema de segurança devido a impunidade a quem realmente deveria pagar pelos atos criminosos.

Minha Alma (A Paz Que Eu Não Quero)

A minha alma tá armada
E apontada para a cara
Do sossego
Pois paz sem voz 
Paz sem voz
Não é paz é medo

Às vezes eu falo com a vida
Às vezes é ela quem diz 
Qual a paz que eu não quero
Conservar
Para tentar ser feliz (x4)

As grades do condomínio
São para trazer proteção 
Mas também trazem a dúvida
Se é você que está nessa prisão 
Me abrace e me dê um beijo
Faça um filho comigo
Mas não me deixe sentar 
Na poltrona no dia de domingo, domingo
Procurando novas drogas

De aluguel nesse vídeo 
Coagido é pela paz
Que eu não quero 
Seguir admitindo 
É pela paz que eu não quero, seguir
É pela paz que eu não quero, seguir
É pela paz que eu não quero, seguir
Admitindo

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Canções de Protesto: Canção do Senhor da Guerra (Legião Urbana)

Entre as várias obras-primas do Legião Urbana encontram-se também muitas canções de protesto, sempre muito bem elaboradas. Em 1992 a banda lançou o álbum "Músicas para Acampamento" que incluía a "Canção do Senhor da Guerra", que fala contra uma das mais assombrosas criações humanas.


Com muita ironia e criatividade, esta canção parece ter sido feita sob medida para um certo país da América do Norte. 

Canção do Senhor da Guerra

Existe alguém 
Esperando por você
Que vai comprar
A sua juventude
E convencê-lo a vencer...

Mais uma guerra sem razão
Já são tantas as crianças
Com armas na mão
Mas explicam novamente
Que a guerra gera empregos
Aumenta a produção...

Uma guerra sempre avança
A tecnologia
Mesmo sendo guerra santa
Quente, morna ou fria
Prá que exportar comida?
Se as armas dão mais lucros
Na exportação...

Existe alguém
Que está contando com você
Prá lutar em seu lugar
Já que nessa guerra
Não é ele quem vai morrer...

E quando longe de casa
Ferido e com frio
O inimigo você espera
Ele estará com outros velhos
Inventando
Novos jogos de guerra...

Que belíssimas cenas
De destruição
Não teremos mais problemas
Com a superpopulação...

Veja que uniforme lindo
Fizemos prá você
Lembre-se sempre
Que Deus está
Do lado de quem vai vencer...

Existe alguém
Que está contando com você
Prá lutar em seu lugar
Já que nessa guerra
Não é ele quem vai morrer...

E quando longe de casa
Ferido e com frio
O inimigo você espera
Ele estará com outros velhos
Inventando
Novos jogos de guerra...

Que belíssimas cenas
De destruição
Não teremos mais problemas
Com a superpopulação...

Veja que uniforme lindo
Fizemos prá você
Lembre-se sempre
Que Deus está
Do lado de quem vai vencer...
O senhor da guerra
Não gosta de crianças...(6x)

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Canções de Protesto: Aos Fuzilados da CSN (Garotos Podres)

Em 1988, na cidade de Volta Redonda (Rio de Janeiro), os operários da ainda estatal Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), realizaram uma greve que resultou na ocupação a empresa. Com a invasão da polícia militar, o acontecimento acabou sendo marcado pela morte de três operários.


Em homenagem aos mortos e também como forma de protesto, a banda Garotos Podres gravou a música "Aos Fuzilados da CSN" que fez parte do álbum "Canções para Ninar", lançado em 1993. Segue a letra: 

Aos Fuzilados da CSN 

Aos que habitam 
cortiços e favelas 
e mesmo que acordados 
pelas sirenes das fábricas 
não deixam de sonhar 
de ter esperanças 
pois o futuro 
vos pertence 
Pois o futuro vos pertence! (coro) 
Pois o futuro vos pertence! (coro) 
Aos que carregam rosas 
sem temer machucar as mãos 
pois seu sangue não é azul 
nem verde do Dólar 
mas vermelho 
da fúria amordaçada 
de um grito de liberdade 
preso na garganta 
Fuzilados da CSN 
assassinados no campo 
torturados no DEOPS 
espancados na greve 
A cada passo desta marcha 
Camponeses e operários 
tombam homens fuzilados 
Mas por mais rosas que os poderosos matem 
nunca conseguirão deter 
a Primavera! 
Pois o futuro vos pertence! (coro) 
Pois o futuro vos pertence! (coro)

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Canções de Protesto: Comida (Titãs)

Uma das muitas canções de protesto do Titãs, "Comida" faz parte do álbum "Jesus não tem dentes no país dos banguelas" lançado em 1987. A música fez sucesso em uma época em que o país passava por uma fase econômica bastante problemática e o grupo fez questão de lembrar aos governantes que o ser humano tem outras necessidades além de comida e bebida. 



Comida

Bebida é água! 
Comida é pasto! 
Você tem sede de que? 
Você tem fome de que?... 

A gente não quer só comida 
A gente quer comida 
Diversão e arte 
A gente não quer só comida 
A gente quer saída 
Para qualquer parte... 

A gente não quer só comida 
A gente quer bebida 
Diversão, balé 
A gente não quer só comida 
A gente quer a vida 
Como a vida quer... 

Bebida é água! 
Comida é pasto! 
Você tem sede de que? 
Você tem fome de que?... 
A gente não quer só comer 
A gente quer comer 
E quer fazer amor 
A gente não quer só comer 
A gente quer prazer 
Prá aliviar a dor... 

A gente não quer 
Só dinheiro 
A gente quer dinheiro 
E felicidade 
A gente não quer 
Só dinheiro 
A gente quer inteiro 
E não pela metade... 

Bebida é água! 
Comida é pasto! 
Você tem sede de que? 
Você tem fome de que?... 

A gente não quer só comida 
A gente quer comida 
Diversão e arte 
A gente não quer só comida 
A gente quer saída 
Para qualquer parte... 

A gente não quer só comida 
A gente quer bebida 
Diversão, balé 
A gente não quer só comida 
A gente quer a vida 
Como a vida quer... 

A gente não quer só comer 
A gente quer comer 
E quer fazer amor 
A gente não quer só comer 
A gente quer prazer 
Pra aliviar a dor... 

A gente não quer 
Só dinheiro 
A gente quer dinheiro 
E felicidade 
A gente não quer 
Só dinheiro 
A gente quer inteiro 
E não pela metade... 

Diversão e arte 
Para qualquer parte 
Diversão, balé 
Como a vida quer 
Desejo, necessidade, vontade 
Necessidade, desejo, eh! 
Necessidade, vontade, eh! 
Necessidade...

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Happy Birthday Madonna

No dia em que completa 54 anos, uma retrospectiva sobre os visuais de Madonna.

1983

1984

1985

1986

1987

1988

1989

1990

1991

1992

1993

1994

1995

1996

1997

1998

1999

2000

2001

2002

2003

2004

2005

2006

2007

2008

2009

2010

2011

2012

sábado, 7 de abril de 2012

Canções de Protesto: Não é Sério (Charlie Brown Jr.)

No ano 2000 a banda Charlie Brown Jr. lançou o álbum intitulado "Nadando com os Tubarões", que lhes rendeu um disco de ouro. Entre os sucessos do álbum está a música "Não é Sério" que tem a participação da cantora Negra Li.


A canção é uma espécie de pedido de respeito aos jovens. Sua letra faz críticas ao trabalho infantil, pede mais união entre os jovens e fala de que os mesmos têm força para mudar o país.


Não é Sério
Eu vejo na TV o que eles falam sobre o jovem não é sérioO jovem no Brasil nunca é levado a sério
Sempre quis falarNunca tive chanceTudo que eu queriaEstava fora do meu alcanceSim, jáJá faz um tempoMas eu gosto de lembrarCada um, cada umCada lugar, um lugarEu sei como é difícilEu sei como é difícil acreditarMas essa porra um dia vai mudarSe não mudar, prá onde vou...Não cansado de tentar de novoPassa a bola, eu jogo o jogo3xEu vejo na TV o que eles falam sobre o jovem não é sérioO jovem no Brasil nunca é levado a sério
A polícia diz que já causei muito distúrbioO repórter quer saber porque eu me drogoO que é que eu usoEu também senti a dorE disso tudo eu fiz a rimaAgora tô por contaPode crer que eu tô no climaEu tô no clima.... segue a rima
Revolução na sua vida você pode você fazQuem sabe mesmo é quem sabe maisRevolução na sua mente você pode você fazQuem sabe mesmo é quem sabe maisRevolução na sua vida você pode você fazQuem sabe mesmo é quem sabe maisTambém sou rimador, também sou da bancaAperta muito forte que fica tudo a pampaEu to no clima! Eu to no clima ! Eu to no climaSegue a Rima!
(repete tudo)Sempre quis falar....
"O que eu consigo ver é só um terço do problemaÉ o Sistema que tem que mudarNão se pode parar de lutarSenão não mudaA Juventude tem que estar a fim,Tem que se unir,O abuso do trabalho infantil, a ignorânciaSó faz destruir a esperançaNa TV o que eles falam sobre o jovem não é sérioDeixa ele viver! É o que Liga."
Veja também:O Rock Brasileiro Desde os Primórdios Até Hoje em Dia: Charlie Brown Jr.http://educarmel.blogspot.com.br/2011/11/o-rock-brasileiro-desde-os-primordios_22.html

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Canções de Protesto: Veraneio Vascaína (Capital Inicial)

Composta por Renato Russo e Flávio Lêmos, na época integrantes da banda brasiliense Aborto Elétrico, a música Veraneio Vascaína fez parte do primeiro álbum do Capital inicial, lançado em 1986.


Sua letra é uma crítica à polícia quanto a sua forma de ação durante os anos de repressão. O nome Veraneio Vascaína refere-se ao veículo usado pela polícia da época. A viatura tinha as cores preto, branco, cinza e vermelho, cores que também faziam parte do brasão do Vasco da Gama.


Com a execução proibida na época, a música é até hoje uma das mais tocadas nos shows do Capital inicial. 


Veraneio Vascaína 

 Cuidado pessoal, lá vem vindo a veraneio 
Toda pintada de preto, branco, cinza e vermelho 
Com números do lado, e dentro dois ou três tarados 
Assassinos armados e uniformizados 
Veraneio Vascaína vem dobrando a esquina 

 Porque pobre quando nasce com instinto assassino 
Sabe o que vai ser quando crescer desde menino 
Ladrão para roubar ou marginal para matar 
"Papai, eu quero ser policial quando eu crescer" 

 Se eles vêm com fogo em cima é melhor sair da frente 
tanto faz, ninguém se importa se você é inocente 
Com uma arma na mão eu boto fogo no país 
E não vai ter problema,eu sei, estou do lado da lei 

 Cuidado pessoal, lá vem vindo a veraneio 
Toda pintada de preto, branco, cinza e vermelho 
Com números do lado, e dentro dois ou três tarados 
Assassinos armados e uniformizados

Veraneio Vascaína vem dobrando a esquina 
Veraneio Vascaína vem dobrando a esquina 
Veraneio Vascaína vem dobrando a esquina.


Veja também:
O Rock Brasileiro Desde os Primórdios Até Hoje em Dia: Capital Inicial
http://educarmel.blogspot.com.br/2011/09/o-rock-brasileiro-desde-os-primordios_20.html


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...